Somos a Pequena Missão para Surdos

Uma congregação religiosa cujo carisma é a Evangelização dos surdos

Nossa congregação foi fundada pelo padre José Gualandi na metade do século XIX. Nosso carisma é o trabalho de evangelização da comunidade surda. Estamos presentes na Itália, Congo e Filipinas. No Brasil, nossa missão está sediada no Igreja Nossa Senhora do Silêncio, em Londrina, no Paraná, onde abraçamos o desafio de construir a primeira igreja dedicada especialmente aos surdos.

VERMELHO.png

Vida e obra de nosso Fundador

José Gualandi nasceu na cidade de Bolonha (Itália) em 9 de junho de 1826 em uma família profundamente cristã. Quando foi ordenado sacerdote, seu coração aspirava a uma vida missionária entre os pagãos.

 

Mas em oito de julho de 1849, celebrando-se na Igreja da Santíssima Trindade a festa do Coração Imaculado de Maria, comovido pela presença de uma surda que se encontrava entre as crianças que faziam a Primeira Eucaristia, conheceu a vontade de Deus a seu respeito e o campo de seu trabalho apostólico foi sinalizado.

 

Pouco tempo depois, iniciou a educação de Luiggi Negrini, primeiro surdo encontrado na cidade, e em 1850 deu início ao primeiro Instituto para surdos. No ano de 1852, o seu irmão, padre César Gualandi, se associa a ele na missão em favor dos surdos.

 

Juntos se dedicaram ao estudo da Pedagogia especial e sentem no coração a ânsia de evangelizar o maior número de surdos, que viviam isolados e sem nenhum auxílio.
 

Padre José adotou um lema: “Deus me quer santo! Ou bom padre ou morrer!”. E assim ele viveu com um carisma todo próprio à aventura do chamado a investir tudo para educação civil, moral e religiosa dos surdos: esses formaram a sua família, a sua ocupação, a sua vida. E assim o foi desde a primeira inspiração até o momento de sua partida deste mundo em quatorze de julho de 1907.

A Igreja e o Oratório

Nossa Senhora do Silêncio

A Pequena missão para Surdos chegou no Brasil no ano de 1984, mas só a partir de 2012 foi possível dar início ao antigo sonho de ter um lugar apropriado para as celebrações com a comunidade. Até então, as missas eram realizadas na garagem do seminário, que fica a poucos metros de onde a igreja está localizada.


Foram seis anos desde os primeiros esboços até o que se pode ver hoje. Os poucos detalhes que restam a serem feitos não comprometem a beleza do lugar. Com um carisma especialmente voltado para os surdos, os padres construíram um ambiente que preserva detalhes importantes para essa identidade, a fachada espelhada e o concreto, por exemplo, possuem um significado profundo. 


Luiggi Guanezzi, responsável pela arquitetura da igreja, destaca uma característica que foi essencial para o início do projeto: a pessoa é surda e está buscando seu crescimento espiritual. Pensando nisso, o arquiteto resolveu trabalhar com duas “massas bem definidas”, o vidro e o concreto. “O vidro, usado na fachada, é a leveza, a porta de entrada, aquela que atrai para dentro. E, ao entrar, no interior, temos o concreto, que é a massa bruta e simboliza a introspecção, o lado espiritual. Com este conceito, a arquitetura também leva a experiência da vida do surdo, que possui a limitação auditiva, mas que expande o seu sentido espiritual", explica.


Já no que se refere a espiritualidade, a comunidade Nossa Senhora do Silêncio vive um novo tempo de graça, como explica o padre Heriberto Mossato. 


“Nossa congregação tem mais de cem anos e desde o seu início nosso fundador, padre José Gualandi, soube confiar e esperar em Deus realizando sua missão entre os surdos. Hoje somos nós que nos abandonamos em Deus e o resultado disso é o que podemos ver hoje, uma igreja construída e uma comunidade atuante”, comenta o padre.

A Igreja foi pensada e projetada antes, mas o Oratório veio primeiro. Ele nasceu durante uma peregrinação à terra santa em 2014, quando o padre Heriberto Mossato sentiu-se inspirado para construir uma igrejinha de pedra.

No dia dezesseis de maio de 2014, no terreno onde seria construído o Oratório, foi realizado o primeiro terço da misericórdia, o que significou o início da construção. O terço teve a presença do Santíssimo Sacramento exatamente onde se levantaria uma coluna onde ficaria exposto depois das obras terminadas. 


Atualmente, o Oratório fica aberto diariamente para adoração ao Santíssimo Sacramento. 

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

Rua Comandante Carlos Alberto, 222

Jardim Caravelle - CEP 86039-150

(43) 3337-6625

Londrina - Paraná

VERMELHO.png