José Gualandi: Um sacerdote que serviu de joelhos

Entregar-se no serviço a Deus é um mergulho no mistério do Amor, é se deixar conduzir pela Misericórdia do Senhor e permitir que a vontade Dele seja a nossa.


[ Padre José Gualandi ao centro com os membros de sua comunidade ]

Padre José Gualandi, fundador da Pequena Missão para Surdos, tinha plena consciência disso, tanto que viveu totalmente para o trabalho com os surdos.


Esvaziou-se de si e fez de sua vida um exemplo para seus confrades. O que o levou a dizer: “Devemos amar, como São José, a vontade do Senhor em tudo o que fizermos, e abandonando nossos próprios desejos, praticar as virtudes sem querer se aparecer, escondendo-as no silêncio e na oração, esperando a recompensa somente no Pai Celeste, que tudo vê.


Felizes somos nós se podemos dizer: ‘pois morrestes e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus’ (Cl 3,3)”.


A sua resposta ao chamado de Deus foi simples e verdadeira, ao reconhecer que Deus lhe chamava para evangelizar o coração do surdo, abandonou-se neste projeto e tudo fez para realizar o desejo do seu Senhor.


Não buscou outra coisa a não ser a formação civil e cristã dos surdos, se desfez de tudo que não correspondia ao seu chamado e construiu uma comunidade viva e atuante.


Quando partiu deste mundo, em 14 de julho de 1907, deixou como herança, além de uma congregação religiosa com mais de 700 surdos educados, uma admirável espiritualidade.


Consagrando-se totalmente aos cuidados da Virgem Maria, buscava incansavelmente a Misericórdia de Jesus e ofereceu sacrifícios, renúncias e todo o seu agir para que a glória de Deus brilhasse sobre todas as coisas.

FAÇA PARTE DA NOSSA MISSÃO

Cadastre-se em nossa lista

de e-mail e receba todos os conteúdos

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

Rua Comandante Carlos Alberto, 222

Jardim Caravelle - CEP 86039-150

(43) 3337-6625

Londrina - Paraná

VERMELHO.png